Como me Inscrever para ser Mesário Voluntário em 2018?

Os mesários são personagens fundamentais para que todas as eleições aconteçam organizadamente e para que a sua credibilidade seja reiterada. Além disso, todos os cidadãos que precisam de orientação no dia das eleições recorrem exatamente ao mesário, que também é beneficiado de diversas formas.

Apesar de muitos dos mesários serem convocados por iniciativa do Superior Tribunal Eleitoral, uma parte também se candidata: são os chamados mesários voluntários.

Como se inscrever ?

As pessoas precisam fazer a inscrição no seu próprio Tribunal Regional Eleitoral. Dessa forma, as pessoas que votam em Manaus precisam procurar por Amazonas e fazer um cadastro no TRE de lá. Para facilitar o contato com todos esses tribunais, há o link http://www.tse.jus.br/eleitor/mesario/programa-mesario-voluntario.

Será preciso não ter pendências eleitorais a serem solucionadas: quem quiser ser mesário voluntário tem de comprovar que votou regularmente ou que fez a justificativas. Se o indivíduo não pode justificar, mas pagou a multa devido à abstenção, também pode ser mesário voluntário.

Com a confirmação de que aquela pessoa foi escolhida para trabalhar nas eleições, ela deve estar disponível nos dias de treinamento. Não é aceito que as pessoas menores de idade sejam mesárias, da mesma forma que a inscrição é proibida para quem é familiar dos candidatos.

Por que se inscrever como mesário voluntário em 2018 ?

Alguns brasileiros não cogitam se inscrever para trabalhar em uma eleição, mas as vantagens que eles têm a longo prazo podem convencê-los. Para começar, eles podem ter resultado melhor em concursos públicos porque o trabalho na eleição é um dos critérios das organizadoras para desempate.

Esses mesários voluntários também podem ter folgas remuneradas dos seus empregos de acordo com quantos dias foram dedicados às eleições. Aliás, pode-se requisitar folga por conta dos dias de treinamento que foram mencionados, mas destacando-se que as necessidades do empregador também serão consideradas para que a folga não atrapalhe a corporação.

Os mesários que forem estudantes universitários poderão alcançar as horas complementares obrigatórias com menos dificuldade, já que seu trabalho nas eleições pode ser posto nos relatórios.



Deixe um Comentário: